Melhores Jogos de Terror VR em Portugal

Melhores Jogos de Terror VR em Portugal

Dreadhalls

Designer: White Door Games | Plataformas: Rift, Vive, Gear | Link: Site Oficial

De fato, mesmo a partir de sua ênfase mais pontual e mais árdua, esse rastreador de passagem permeado por animais permaneceu alto como a experiência de horror por excelência em VR, criando inúmeros rolos de recursos do YouTube. Passagens estreitas e curvas, som petrificante e algumas mecânicas bastante divertidas (fique de olho no espectador que trabalha com as regras do T-rex) feitas para um jogo que resistirá ao teste do tempo. Faça questão de arrastá-lo para qualquer grupo de VR.

Coração de Wilson

O pânico não é totalmente de parar o coração, e algumas partições cada vez mais agressivas se arrastam, no entanto, isso não impede o Coração de Wilson de ser uma reverência extraordinária ao mundo dos Universal Classic Monsters. Uma clínica médica gótica esplendidamente reconhecida se transforma em situações mais sombrias que são terríveis e (acima de tudo) simples de explorar. O Wilson’s Heart, de modo algum um número tão grande de outros jogos de horror dentro e fora da VR, entende que você está aqui para uma história delicada e apertada, para não vagar erraticamente, considerando em qual gabinete você ainda não olhou. Isso libera você para se concentrar nos alarmes, na inteligência e nas divertidas exposições de Rosario Dawson, Michael B. Jordan, Alfred Molina e Peter Weller, de Robocop.

Arizona Sunshine

Designer: Vertigo Games | Platforms: Rift, Vive, PSVR | Link: Official Site

One of the first VR activity experience games to truly nail a whole story mode, as opposed to simply singular difficulties, Arizona Sunshine is among the best games in the medium. Its pace is somewhat moderate, yet that is what you need in a zombie spine chiller, isn’t that so? And keeping in mind that most battles degenerate into entirely stationary conflicts with influxes of undead, there’s little as disrupting as having a group of them gradually barrel down on you with four slugs left in your clasp.

Outsider: Isolation (with MotherVR mod)

Designer: Creative Assembly | Platforms: Rift, Vive (by means of mod) | Link: Official Site

PC Gamer’s 2014 Game of the Year, yet in VR. You may have seen some VR film of Alien: Isolation route back in the Oculus DK2 days, and keeping in mind that those worked for somewhat, the MotherVR mod (made by Nibre) is a much more clean, smoother experience, and works all through the whole story. The development feels increasingly normal, there’s no DK2 fluff in your eyes, and even the head following is sufficiently smooth to let you rapidly slither inside a vent and sob. For a game that is four years of age now, it says something that the even the mod’s maker winces at his very own work.

Kobold

Engineer: Another World | Platforms: Rift, Vive | Link: Official Site

Uma grande quantidade de encontros de medonho VR fica paralisada em extensas explicações de enigmas, mas a primeira cena de Kobold (nenhuma palavra sobre mais nada no momento) é, em grande parte, uma narrativa estreita e bem organizada. Investigar uma casa convenientemente deserta (saídas de fotogrametria de canto construídas de uma casa alemã genuína) e os bosques circundantes à procura de um garoto desaparecido é apenas o começo. Como o título propõe, definitivamente há mais nos lobbies e freqüentes de Kobold do que na falta de jovens.

admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *